quarta-feira, 24 de junho de 2009

Inquietação.

A inquietação não o permite calar, pensar ou agir. Espera-se por respostas sem hora pra chegar. O tempo se rasteja e aquele que aguarda se contorce. Até onde a espera é um ato de covardia ou de sabedoria? Os dias são grandes e cheios, enquanto o inquieto quer mover-se desse vazio progresso. Respostas, tragam um alento de continuidade ou recomeço! Tire-o do drama da impaciência. Livre-o desse tormento!

2 comentários:

Eliana / Lu Maria disse...

Ótima reflexão!!

Bjos.
LU MARIA

Amanda disse...

O inquieto é movido pela ansiedade