sábado, 9 de janeiro de 2010

Coração encantado

Palavras mágicas,
coração encantado.
Passos distraídos,
mãos de plumas.

Da cartola,
um sorriso.
Da manga,
um afago.
Cartas de amor,
voam no espaço.
Coelhos brancos,
nuvens desenhadas.
Lenços são peças,
embaraço despido.
Vapor do vazio,
sob olhos inocentes.
Surpresa!
Aplausos!
Extase!

Vida fascinante,
montanha-russsa,
roda gigante
dentro de si.
Aventura?
Magia?
Ilusão?
Não! Espetáculo!

Nenhum comentário: